Um Blog no Planeta Mongo


Across the Universe: nada vai mudar o meu mundo by Francisco

CLIQUE PARA AMPLIAR ESTA FOTO
Não assistiu ainda Across the Universe? Você acha que este filme baseado em canções dos Beatles foi retirado rápido demais dos cinemas? Pois é… agora, para assisti-lo (e tê-lo em casa) só em DVD (ou Blu-Ray). De qualquer maneira, publico aqui mais quatro fotos em alta resolução (é só clicar nas imagens para ampliá-las), a letra da música que deu nome ao filme e uma série de links legais para quem quiser ler mais (e ouvir música).
Clique para ampliar esta fotoCLIQUE PARA AMPLIAR ESTA FOTO
Leia ‘Across the Universe’ é sinfonia contra o cinismo, ótima matéria da jornalista Flávia Guerra, de O Estado de S.Paulo, que foi a Roma entrevistar a diretora do musical, Julie Taymor.

CLIQUE AQUI PARA AMPLIAR ESTA FOTO Leia este texto postado no Blog Estranho (da revista Mundo Estranho)
Visite a página de Across the Universe no site Adoro Cinema, o site e o forum Beatles Brasil e a página da música no site LastFM. Conheça também o hotsite oficial do filme no Brasil.
Clique aqui para baixar papéis de parede com imagens do filme.

Across the Universe
Words are flowing out like endless rain into a paper cup,
They slither while they pass they slip away across the universe.
Pools of sorrow, waves of joy are drifting through my opened mind,
Possessing and caressing me.

Jai guru deva, Om.

Nothing’s gonna change my world,
Nothing’s gonna change my world,
Nothing’s gonna change my world,
Nothing’s gonna change my world.

Images of broken light which dance before me like a millioneyes,
They call me on and on across the universe.
Thoughts meander like a restless wind inside a letter box,
They tumble blindly as they make their way across the universe

Jai guru deva, Om.

Nothing’s gonna change my world,
Nothing’s gonna change my world,
Nothing’s gonna change my world,
Nothing’s gonna change my world.

Sounds of laughter, shades of love are ringing through my openedears,
Inciting and inviting me.
Limitless undying love, which shines around me like a millionsuns,
And calls me on and on across the universe.

Jai guru deva, Om.

Nothing’s gonna change my world,
Nothing’s gonna change my world.

Jai guru deva,
Jai guru deva…



Terror e amor chegam juntos by Francisco

Across the Universe - Clique para ampliar
A Columbia mudou a data de lançamento do terror 30 Dias de Noite, antes previsto para estrear no dia 23 deste mês, foi remarcado para o dia 7 de dezembro, mesmo dia do Liverpoll - Across the Universe - Clique para ampliarlançamento de Across the Universe, outro filme distribuido pela empresa. Ambos já estrearam nos Estados Unidos e, enquanto o primeiro faturou pouco mais de US$ 27 milhões em dez dias de exibição (ele estreou no dia 19 de outubro), o segundo – um musical baseado nas canções dos Beatles – precisou de 40 dias para chegar a US$ 17 milhões. Mas não se engane: Across the Universe é ótimo. A foto maior mostra o ator Jim Sturgess, que interpreta Jude, o rapaz que sai de Liverpoll (foto menor) para viver uma história de amor nos Estados Unidos.
Para saber mais, clique nos links dos títulos dos filmes.
Para baixar as fotos em alta resolução, clique nelas.



Across the Universe na Mostra by Francisco

Jude & Lucy - Clique para baixar esta foto em alta resolução
Hoje acontece a primeira exibição para o público de Across the Universe na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo. O recém transformado IG Cine (antes, Sala UOL) projeta o belo musical de Julie Taymor, baseado em músicas dos Beatles. Para falar a verdade, eu nem tinha prestado atenção nesse filme até minha Clique para ampliar esta foto em alta resoluçãoirmã, que já o assistiu nos Estados Unidos, me ligar para indicá-lo. “É muito louco o filme”, disse. E esse é um grande elogio. Ela, que viveu intensamente a era hippie, sabe o que fala! Como se não bastasse, minha irmã tem a seu favor um bom retrospecto. Ela assistiu primeiro (essa é uma das vantagens de quem mora nos EUA) e me indicou Moulin Rouge!, que considero um dos melhores musicais já realizados. 

Bom, o fato é que Across the Universe foi um fracasso de bilheteria nos Estados Unidos (arrecadou pouco mais de US$ 16 milhões em 38 dias em cartaz) e a crítica, no Brasil, não está dando tanta importância para ele. Pelo menos até agora. Luiz Carlos Merten, o crítico de cinema que mais gosto, foi uma das poucas exceções. Em seu blog ele publicou textos elogiando o filme, como por exemplo Beatles 4Ever, onde confessa que chorou ao assistir ao musical.

Clique para ampliar esta foto em alta resolução

Então, não esqueça das três exibições de Across the Universe na Mostra: Hoje às 21:20 no IG Cine; amanhã, dia 28, às 22h30 no Cinesesc e segunda no Cine Bombril* às 14 horas. 
As fotos que ilustram este texto podem ser baixadas em alta resolução. Para tanto, basta clicar nelas.

Conheça também o site oficial do filme clicando aqui. Lá você pode baixar papéis de parede bem interessantes.
Clique para baixar esta foto em alta resolução

*PS: Cá entre nós, que nome esquisito para um cinema! Cine Bombril! Mil e uma utilidades… coisa e tal. Se exibisse filmes eróticos ainda vai…



Trailer: Across the Universe by Francisco

Inauguro a seção de trailers deste blog com Across the Universe, musical de Julie Taymor que será lançado no dia 7 de dezembro no Brasil. Se você gosta dos Beatles, de histórias apaixonadas, de musicais, este é o seu filme. Em breve comentarei mais. Por enquanto fique com o trailer!




Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 28 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: