Os heróis estão deprimidos?

O texto abaixo, em azul, e a ilustração que mostra o Capitão, Batman e Hulk, foram publicados no número 20 da revista Cheyenne (Reis do Faroeste), da Ebal, em agosto de 1971, na sessão Notícias em Quadrinhos, que tradicionalmente figurava na segunda página das revistas da editora:

Na introdução de seu artigo “Os Heróis Estão na Fossa?” (Revista de Cultura Vozes, nº 4, maio de 1971), Fernando Albagli escreveu o seguinte:
“Que aconteceu aos heróis nos últimos vinte e cinco anos? É válido comparar as diversas fases de suas aventuras, fazendo-se a divisão delas em duas partes distintas: antes e depois da década de 60.
“Vários super-heróis foram revividos após algum tempo de inatividade; outros modificaram-se (aos poucos ou bruscamente); finalmente, há os que surgiram já sob a égide da era supertecnológica.”

Esse texto de Fernando Albagli parece muito atual. Desde os anos 90 as editoras americanas procuram ajustar seus personagens aos novos tempos. As novidades tecnológicas que surgiram nos últimos anos tiram cada vez mais leitores de suas revistas e elas buscam alternativas desesperadas para conseguir vender mais. Assim, os personagens saíram do papel impresso para ganhar vida nas mais diversas mídias. Por outro lado, a substancial melhora na qualidade de impressão dá aos desenhistas mais recursos para criação artísticas magistrais.

Porém, com o mundo envolvido em guerras e com terrorismo, além dos efeitos da globalização, a sedução da violência parece ter afetado os super-heróis, que também mudaram muito nos últimos 25 anos.

Agora, suas aventuras podem ser divididas em mais fases. Algumas caóticas.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s