Desenhando Paulo Autran

Paulo Autran em julho de 1983, por Ucha. Clique para ampliar.Na década de 80 trabalhei na Revista da Tevê, do jornal O Globo. Aliás, trabalhei neste caderno desde seu lançamento. Fiquei lá durante onze anos, até o dia em que decidi mudar de cidade. Nesse período tive o prazer de fazer desenhos “engraçadinhos”  de grandes atores para ilustrar notinhas leves e pitorescas, daquelas que entremeavam as matérias principais do caderno. Não sei quantas vezes desenhei o Paulo Autran. Certamente foram poucas. Não tenho todos os desenhos aqui para conferir (muitos ficaram no arquivo do jornal; acabei não recolhendo a maioria das artes). Porém, tenho estes dois (para ampliá-los, basta clicar neles). O desenho à esquerda foi publicado no dia 10 de julho de 1983 e ilustrava o seguinte texto:

“Finalmente Paulo Autran está tecendo um tapete que considera bonito: “Será o primeiro de minha carreira de tecelão. Os outros, sinceramente, eram um horror. Pena que só vai ficar pronto daqui a um ano, porque nunca tenho tempo de trabalhar nele…” Paulo, que divide seu tempo entre as gravações e os ensaios da peça Amante Inglesa, recebeu um convite que o deixou muito orgulhoso: “Em setembro, vou dar uma palestra sobre o teatro e sua função cultural para os alunos da Faculdade de Economia e Administração da Universidade de São Paulo. Aliás, não é a primeira vez que isto acontece.”Paulo Autran, por Ucha - Setembro de 1983 - Clique para ampliar

Este da direita foi publicado mais de uma vez. A primeira foi no dia 11 de setembro de 1983 e ilustrava um texto sobre as comemorações do aniversário dos 61 anos do grande autor, que ocorrera quatro dias antes. A nota diz que “o Parabéns Pra Você foi comandado por Tonia Carrero, no palco do teatro”. Na época os dois grandes atores atuavam juntos na peça Amante Inglesa, de Marguerite Duras. Paulo interpretava ainda Otávio de Alcântara Rodrigues e Silva , o “Bimbo”, na novela Guerra dos Sexos – grande sucesso da época. Com este personagem, ele protagonizou cenas antológicas da televisão brasileira ao lado de Fernanda Montenegro (clique aqui para ver alguns vídeos do ator no G1).

Paulo nasceu no dia 7 de Setembro e morreu ontem, no dia de Nossa Senhora Aparecida. Dois feriados nacionais. Alma de criança, grande personalidade, um monstro nos palcos. Inesquecível. Já estamos todos com saudades…

Veja alguns links sobre Paulo Autran:
Às portas do século 21, a revista Isto É resolveu fazer uma eleição para escolher o Brasileiro do Século em diversas áreas. Paulo Autran foi o segundo colocado em Artes Cênicas. Fernanda Montenegro foi a escolhida.

Sabatina da Folha com Paulo Autran  (somente para quem é assinante) – O pensamento do ator, num texto dividido em várias páginas. Eis uma de suas declarações:
Teatro é uma idéia transmitida por um ator ao público. São três elementos: público, ator e idéia. Se você suprime um, deixa de ser teatro. Se você suprime o público, então o teatro o que é? Uma masturbação para os atores gozarem, só? Para mim não é.”
– Paulo Autran no IMDb e na Enciclopédia Itaú Cultural.
– Paulo Autran recitando Carlos Drumond de Andrade

Repercussão da morte de Paulo Autran:
– Site do Estadão: Uma vida dedicada ao teatro – Texto com vários links (fotos, vídeos e uma homenagem)
– Portal G1: Teatro ocupou maior parte da carreira de Paulo Autran
– Blog do Lira Neto: Gigante dos Palcos (Texto publicado na revista Contigo!)
– Jornal de Notícias (de Portugal): Morreu Paulo Autran

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s